AS COISAS VELHAS PASSARAM

Para quem perdeu, ou mesmo não pode assistir.

O engraçado é que nos noticiarios que houveram no dia da posse, nenhum (em especial a Globo) falou sobre “tudo” o que houve na posse. Por que será?

Anúncios

Comentários em: "[Video] Rick Warren – Posse de Barack Obama" (3)

  1. Adriano: Dê uma lida:

    Eutanásia Espiritual

    Quando uma igreja adota o modelo “Orientado por Propósitos” do Movimento de Crescimento de Igrejas, seus líderes tornam-se determinados a forçar o afastamento dos membros que questionam as premissas da metodologia. Algumas vezes, essa “eutanásia” de membros antigos torna-se brutal e nada cristã.

    Rick Warren associou-se a um místico de Nova Era para ajudá-lo em seu programa de treinamento de líderes na Igreja da Comunidade de Saddleback.

    “Muitas vezes, a verdade de uma matéria encontra-se exatamente na direção oposta à indicada pela retórica pública”.

    A Cutting Edge prega essa realidade desde novembro de 2001, quando observamos a incrível campanha de propaganda que abruptamente foi iniciada após os ataques de 11/9/2001. Escrevemos um artigo sobre esse assunto (N1558), baseado unicamente no conceito da propaganda política. Entretanto, desde a publicação daquele artigo, viemos a perceber que a enganação mais incrível que está ocorrento em todo o mundo atualmente é a enganação espiritual.

    Essa enganação espiritual está tomando muitas formas durante este período do fim dos tempos, incluindo a promoção do catolicismo romano como a única igreja cristã genuína, a promoção do reverendo Sun Myung Moon como um legítimo líder espiritual (uma figura messiânica para muitas pessoas), e o modelo “Igreja com Propósitos”, de Rick Warren.

    Um dos pontos-chave de ênfase na ‘Igreja com Propósitos’ é sua natureza “sensível ao buscador”. Em outras palavras, é dada uma tal ênfase em “atender às necessidades das pessoas” que gente de todas as classes e segmentos sociais estão se encaminhando para esse tipo de igreja. Dezenas de milhares de igrejas de denominações tradicionais estão adotando esse programa, porque ele ajuda a atrair mais pessoas às igrejas!

    E por que não atrairia as pessoas assim? Afirmando ser cristão e escrevendo em uma linguagem cristã, o movimento “Orientado por Propósitos” leva as pessoas a acreditarem que receberam a Jesus Cristo e que irão para o céu, repetindo uma oração que deixa de lado a noção do pecado individual inerente, o arrependimento dos pecados e a expiação pelo sangue de Jesus Cristo derramado na cruz.

    Essa oração da salvação leva a pessoa a dizer: “Jesus, em ti eu creio e te recebo.” (Uma Vida com Propósitos”, pg 53).

    Eu pessoalmente fui a uma igreja no modelo Orientado por Propósitos em Charleston, na Carolina do Sul, e ouvi uma apresentação sobre a salvação que não fez qualquer menção do pecado pessoal ou do arrependimento dos pecados! O sangue de Jesus como expiação pelo pecado também não foi mencionado.

    Não somente essa oração não é uma genuína oração para a salvação, mas representa “outro evangelho”. O apóstolo Paulo pregou uma grande e solene advertência contra qualquer um que anunciar “outro evangelho” [Gálatas 1:6-9] Paulo declara que qualquer um que pregar um evangelho falsificado deve ser “amaldiçoado” A palavra que Paulo usou nessa passagem é o item 331 na Concordância de Strong, que significa literalmente:

    * “Sem esperança de ser redimido” — Greek and Hebrew Dictionary, Strong.
    * “Uma pesoa ou coisa condenada para a destruição” — Greek and Hebrew Dictionary, Strong.
    * “Um homem amaldiçoado, destinado às piores aflições.” — Greek and Hebrew Dictionary, Strong.

    Milhões de pessoas estão comprando esse “outro evangelho”, acreditando que estão salvas e indo para o céu! Quando comparecerem diante do Grande Trono Branco do Julgamento, perceberão, tarde demais, que foram enganadas e estão prestes a serem lançadas no lago de fogo por toda a eternidade.

    O fato triste que torna essa “Oração de Salvação” inútil é que ela não força a pessoa a confrontar sua natureza pecaminosa inerente, nem requer que sejam levadas ao verdadeiro arrependimento (o que significa dar uma volta de 180 graus em sua vida), e não requer que o penitente confie plenamente no sacrifício de Jesus na cruz. Sem que esses elementos sejam corretamente tratados e aceitos pelo pecador, a salvação não é possível.

    Portanto, sob o disfarce de “atender as necessidades das pessoas”, e “equipar os santos, assistindo o oprimidos e destituídos”, o Movimento Igreja com Propósitos está na verdade negando aos seus seguidores uma das maiores necessidades do ser humano — sua salvação eterna! Saber que você é salvo, que está no caminho para o céu e que nunca terá de enfrentar seus pecados na eternidade, é o conhecimento que produz uma profunda alegria no coração do verdadeiro salvo.
    Forçando as Pessoas a Saírem da Igreja — “Eutanásia Espiritual”

    Mas há mais horror nesta história. Não somente esse movimento nega a uma pessoa uma eternidade no céu (a maior “necessidade” dela), mas os líderes forçam os dissidentes a se desligarem da igreja que está no processo de se converter para o modelo “Orientado por Propósitos”. Em vez de ouvir os “resistentes” e considerar o ponto de vista deles, os líderes da igreja estão forçando essas pessoas a se desligarem da comunhão, embora alguns tenham sido membros e contribuintes fiéis há várias décadas.

    Vamos revisar alguns exemplos específicos em que membros dissidentes sofreram “eutanásia espiritual” — foram levados a se desligarem de suas igrejas”. Essa informação foi tirada de uma mensagem de correio eletrônico que recebi em 26 de abril de 2005. Sundquist é o autor do livro sucesso de vendas Who Is Driving The Purpose Driven Church?, que pode ser adquirido em nossa livraria.

    Alguns dias atrás, fui entrevistado no programa Crosstalk, da rádio VYC America, a respeito de meu livro Who Is Driving The Purpose Driven Church?, e que ouvintes de todo o país ligaram para a rádio para dizer que tinham sido forçados a se desligar ou foram marginalizados em suas igrejas por questionarem ou se oporem ao livro e à campanha Uma Vida com Propósitos. Um santo já idoso do Texas ligou para dizer que estava muito aborrecido com um boletim recente do Baptist Standard pois um oponente de Rick Warren tinha sido severamente injuriado. Aquilo foi realmente representativo das milhares de ligações e mensagens de correio eletrônico que a VCY America recebeu quando o autor Warren Smith foi entrevistado a respeito de seu livro Deceived on Purpose. Investiguei os ensinos de Rick Warren por vários anos e milhares de horas. Assim, nesse sentido, eu o convido a considerar e ser informado das seguintes atualizações sobre os frutos dos ensinos de Rick Warren e como ele está treinando os pastores e igrejas para lidarem com os que ele chama de ‘resistentes’… a maior parte da mídia, e até mesmo a mídia cristã, dá a Rick Warren liberdade total para expor seus ensinos.

    Rick Warren na verdade fala sobre como se livrar dos “resistentes” ao seu programa “Orientado por Propósitos”! Em vez de tratar os dissidentes com amor e respeito, ele simplesmente advoga que uma igreja que esteja se convertendo para esse programa remova essas pessoas do rol de membros. A seguir estão alguns dos frutos específicos que James Sundquist revelou que estão fluindo desse plano draconiano.

    Acabo de receber uma carta de Carol, do Canadá, sobre uma igreja da Aliança Cristã e Missionária que acaba de colocar para fora 65 membros que se opuseram à metodologia de Rick Warren e à sua “Nova Reforma”. Aparentemente, o pastor disse que qualquer pessoa com mais de 65 anos não seria mais bem-vinda.”

    Essa situação está se tornando tão séria que James Sundquist criou um poema parafraseando o poema do reverendo Martin Neimoeller, escrito em 1945, que tentou explicar por que tão poucos cidadãos alemães ergueram a voz para protestar contra o genocídio iniciado por Adolf Hitler, que muitos sabiam em seus corações que estava ocorrendo. Vamos iniciar com o poema de Neimoller:

    Na Alemanha, os nazistas vieram primeiro em busca dos comunistas, e eu não protestei porque não era comunista.

    Em seguida, vieram em busca dos judeus, e não protestei porque não era judeu.

    Em seguida, vieram em busca dos sindicalistas, mas não protestei porque não era um sindicalista.

    Em seguida, vieram em busca dos católicos, mas não reclamei porque era protestante.

    Então eles vieram atrás de mim, e neste tempo não restava mais ninguém para protestar por mim.”

    (Rev. Martin Neimoller, pastor luterano alemão. O rev. Neimoeller foi preso pela Gestapo por se opor a Hitler e foi enviado para o Campo de Dachau em 1938; ele foi libertado pelas Forças Aliadas em 1945.)

    Agora, veja à adaptação de Sundquist desse poema para se aplicar à “Eutanásia Espiritual” realizada pelo Movimento da Igreja com Propósitos.

    “Primeiro, vieram atrás dos ‘resistentes’ e dos ‘pilares’ da Igreja Reformada de Brunswick, em Ohio, por que se opunham ao modelo da Igreja e da Vida com Propósitos, mas não protestei porque não era membro da Igreja Reformada da América.”

    (Nota: Mac Dominick, da Cutting Edge, o autor do novo livro Outcome-Based Religion: Apostasy, Purpose, and the Paradigm Shift, e do DVD e do VHS de mesmo nome, menciona esta definição de Rick Warren de um ‘pilar’ da igreja: Em vez de definir ‘pilar’ como um líder firme e confiável da igreja, Rick Warren define ‘pilar’ como ‘alguém que segura as coisas no alto’.)

    Em seguida, vieram atrás de uma senhora que era uma anciã na fé, membro da Primeira Igreja Batista de Dallas desde 1956, fazendo-a sair aos gritos, com eutanásia espiritual e comportamento agressivo e descortês, e a intimidação de sete advogados, por que ela se opunha à transformação do Centro Criswell em um centro de entretenimento Orientado por Propósitos. Mas não protestei porque eu não era uma viúva.

    Em seguida, levaram a julgamento duas famílias na Igreja Batista do Vale, em Lakeland, Minessota, mas não protestei, porque não era membro da Convenção Batista Geral.”

    Em seguida, vieram atrás de 165 membros da Igreja Batista Gardendale, em Corpus Christ, Texas, e fizeram que saíssem da igreja, mas não protestei porque não era um batista sulista.

    Finalmente, um irmão protestou e tentou advertir a Comunhão Cristã de Eugene por que terem aderido ao movimento Orientado Por Propósitos, mas ameaçaram entrar com ação judicial contra ele e disseram-lhe para deixar de importuná-los. Mas não protestei por medo de ser acusado de importunação ou de ser processado por uma igreja.

    Em seguida, um repórter de notícias de uma grande rede cristã de rádio fez soar o alarme sobre esse perigo claro e atual. Eles divulgaram o assunto, mas receberam um número recorde de ligações de ouvintes irados que rangiam seus dentes, de modo que o assunto foi censurado no serviço de notícias da mídia impressa Agape Press.

    Depois, outro irmão em outro ministério de rádio cristão transmitiu o testemunho de cristãos que foram colocados para fora de suas igrejas em diversos pontos do país, mas a emissora ameaçou tirar o programa do ar se ele voltasse a dizer qualquer coisa má sobre Rick Warren. Mas não protestei porque tinha amigos e familiares que trabalhavam para uma organização que promovia o modelo Igrejas com Propósito, ou eram membros de igrejas Orientadas por Propósitos e eu não queria perder o relacionamento com eles.

    Em seguida, vieram atrás de um grupo grande de membros da igreja da Nova Esperança, em Bend, Oregon. Mas não protestei porque não era membro da denominação Igreja Evangélica ou da Associação Nacional dos Evangélicos.

    Em seguida, vieram atrás de um carpinteiro e de sua mulher na Igreja da Comunidade do Calvário, em Phoenix, Arizona, com a polícia e o xerife e os acompanharam para fora das dependências da igreja por tentarem expor as obras das trevas e os ensinos de Rick Warren e disseram-lhes que se voltassem, seriam levados presos. Mas não protestei porque não era membro da denominação Capela do Calvário.

    Então vieram atrás de mim, e agora não restava mais ninguém que protestasse em meu favor, porque todas as igrejas no país já aderiram ao modelo Orientado por Propósitos e ao Plano Global P.E.A.C.E.

    Essas táticas agressivas não são um bom fruto espiritual e também não têm base bíblica. A Bíblia diz “Sai dela, povo meu” e “Separai-vos”, mas essas admoestações são para os indivíduos que se encontram de repente no meio de igrejas apóstatas e falsas, para que saiam dessas igrejas; não são um padrão para as igrejas expulsarem os membros que discordam do programa Orientado por Propósitos.

    Assim, esse movimento Orientado por Propósitos está cometendo “Eutanásia Espiritual” com os membros das igrejas que aderem a esse nefasto sistema, outro “mau fruto espiritual” proveniente desse movimento. Mas, a profecia bíblica nos adverte a esperar a apostasia espiritual (o afastamento da doutrina bíblica) no fim dos tempos. Veja:

    “Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição.” [2 Tessalonicenses 2:3]

    Literalmente, essa passagem significa que todo líder cristão falso e apóstata está abrindo a porta para o aparecimento do Anticristo. Sem esse tipo de apostasia, o Anticristo não poderia aparecer na cena mundial. Embora a igreja cristã tenha visto apostasias vindas de muitas frentes, nada se alastrou de forma tão rápida quanto esse modelo de Igrejas com Propósitos.
    Notícia de Última Hora!!

    Quando estávamos nos preparando para publicar este artigo, um assinante nos enviou uma notícia de última hora que revela um fruto espiritual ainda mais sem base bíblica que emana do movimento Orientado por Propósitos. Rick Warren associou-se com um guru de Nova Era e promotor da contemplação, Ken Blanchard! Veja:

    Resumo da Notícia: Rick Warren Associa-se com o Guru de Nova Era Ken Blanchard! Reportagem Especial, Lighthouse Trials Research Project, 19/4/2005, http://www.lighthousetrailsresearch.com/PressReleasekenblanchard.htm.

    “Enquanto Rick Warren está se preparando para treinar um bilhão de pessoas, sem que muitos saibam, ele também se associou com a Nova Era e o promotor da contemplação Ken Blanchard, já há algum tempo. De acordo com uma nova biografia de Rick Warren, A Life With Purpose, escrito por George Maier, Rick Warren solicitou os serviços de Ken Blanchard para ajudá-lo no treinamento de líderes: “Rick pega os melhores e os mais famosos para ajudá-lo a treinar os líderes de igrejas para serem como Jesus. Ele contratou Ken Blanchard… para vir a Saddleback e ajudar a treinar as pessoas a serem líderes mais eficientes”. [pg 193]

    Sabendo quem é Ken Blanchard, esta notícia é chocante e devastadora para a igreja!

    Existem muitas evidências que mostram que Blanchard ocupa um lugar no vagão dos místicos e contemplativos da Nova Era. Ele acredita nos benefícios e no uso da meditação com mantras, na Ioga e não vê problema algum em emprestar essas práticas do budismo.

    Aqui estão apenas alguns exemplos da devoção de Blanchard à espiritualidade mística:

    * Escreveu o prefácio para o livro Mind Like Water (A Mente Como Água), de Jim Ballard.
    * Escreveu o prefácio para o livro What Would Buddha Do At Work? (O Que Buda Faria no Trabalho?), de Jim Ballard
    * Está na capa frontal de “Corporate Mystic”
    * Está na contracapa de Seven Spiritual Laws of Success (As Sete Leis Espirituais do Sucesso), de Dee Pak Chopra.
    * Jim Ballard, um ferrenho aderente da Nova Era e um colega de “The Ken Blanchard Companies”
    * Escreveu o prefácio do livro Death and Letting Go” (Morte e Deixar Partir), da clarividente Ellen Laded

    Essa é uma associação muito séria com a Nova Era! Além disso, cooperar com tipos como Dee Pak Chopra e Ellen Laded coloca Ken Blanchard no meio dos médiuns espirituais que dominam a religião da Nova Era. O autor Warren Smith em seu livro Deceived on Purpose: The New Age Implications of the Purpose-Driven Church adverte repetidamente sobre o fundamento de Nova Era do movimento de Rick Warren.

    Mac Dominick, da Cutting Edge analisa em profundidade esse fundamento de Nova Era em seu recém-publicado livro Outcome-Based Religion: Apostasy, Purpose and the Paradigm Shift e no DVD e VHS de mesmo título. [Nota: Leia os artigos da série “Pragmatismo na Igreja: Uma Apostasia com Propósitos”.]

    Esse artigo da Lighthouse Trails simplesmente confirma com esse acontecimento recente a verdade mostrada nesses dois livros citados. Vamos agora voltar rapidamente para essa revelação da Lighthouse Trails.

    “Blanchard não apresenta explicações e justificativas quando diz que muito pode ser obtido do budismo. Ele e sua mulher incentivam a prática da Ioga (pg 11) e da meditação com mantras. Ken Blanchard, Rick Warren, e Bill Hybels (Igreja da Comunidade de Willow Creek) tornaram-se companheiros de equipe nas conferências Lead Like Jesus [Lidere Como Jesus], que ocorrem em toda América do Norte. Os três também são co-autores de fitas de áudio.”

    Será se Rick Warren sabia das simpatias de Blanchard quando o trouxe para ajudá-lo na Igreja da Comunidade de Saddleback? É claro que sim. E você acha que Rick Warren e Ken Blanchard vão treinar os “bilhões” de soldados de Cristo como praticar o misticismo de Nova Era e aprender a entrar em estados alterados de consciência? Pode apostar que sim. E isso é realmente algo com que devemos nos preocupar.

    Verdadeiramente Jesus referia-se a esse movimento Orientado por Propósitos quando disse:

    “E ao anjo da igreja que está em Laodicéia escreve: Isto diz o Amém, a testemunha fiel e verdadeira, o princípio da criação de Deus: Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente; quem dera foras frio ou quente! Assim, porque és morno, e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca. Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta; e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego, e nu.” [Apocalipse 3:14-17]

    “Mas eu vos digo… a todos quantos não têm esta doutrina, e não conheceram, como dizem, as profundezas de Satanás, que outra carga vos não porei.” [Apocalipse 3:24]

    Em meio a toda a armação do cenário para o cumprimento das profecias nas áreas política e econômica e em meio à união ecumênica de todas as religiões do mundo, esse fenômeno da Igreja Orientada por Propósitos é um caso à parte. Ele é tão grande e envolvente que está enganando a maioria dos líderes cristãos e das igrejas que tinham escapado das outras enganações espirituais.

    Verdadeiramente, o fim dos tempos está sobre nós!

    Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são tempos em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

    Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do Espírito Santo de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

    Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que ele é real e que o fim dos tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna nos céus, como se já estivesse lá. Assim, pode ter a certeza de que o Reino do Anticristo não o tocará espiritualmente. Se quiser saber como nascer de novo, vá para nossa Página da Salvação agora.

    Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam a vindoura Nova Ordem Mundial, o Reino do Anticristo, nas notícias do dia-a-dia.

    Fale conosco direcionando sua mensagem a um dos membros da equipe de voluntários.

    Se desejar visitar o site “The Cutting Edge”, dê um clique aqui: http://www.cuttingedge.org

    Que Deus o abençoe.
    Patrocinado por: S. F. F. C. — Vargem Grande Paulista / SP
    Data de publicação: 2/5/2005
    A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/n2030.asp

  2. OS DESPROPÓSITOS DO HOMEM “COM PROPÓSITOS”

    Warren tem legado ao mundo ocidental uma teologia mista de evangelho, gnosticismo e catolicismo romano
    Os despropósitos do homem “com propósitos”

    O milionário escritor batista, gnóstico, amigo das edições bíblicas novaerenses dos seus amigos particulares (Eugene Peterson, Richard Foster e outros) chama-se Rick Warren. Um dos seus discípulos é Graham Cooke, professor na Escola do Sobrenatural (Potter’s House – School of the Supernatural), onde, por apenas 2.400 dólares anuais, qualquer pessoa pode ficar erudita nos segredos do Harry Pottter e de outras aberrações ocultistas.

    Warren ficou tão famoso por causa dos seus livros cheios de propósitos que foi convidado para ser o preletor principal da Convenção do Centenário da Aliança Batista Mundial (julho 2005) na Inglaterra. Warren tem legado ao mundo ocidental uma teologia mista de evangelho, gnosticismo e catolicismo romano, através dos seus livros engravidados de propósitos.

    Vamos analisar 12 das mil e uma doutrinas que ele entrega, subliminarmente, em seus best-sellers, mais gordos em dólares do que as contas do Marcos Valério versus Delúbio Soares.

    01. – Uma boa pregação bíblica não é suficiente.

    Leiamos a 2 Timóteo 4:2… e tiremos nossas conclusões

    02. – Um bom estudo bíblico não é suficiente.

    Onde fica a 2 Timóteo 3:16-17? O que há de melhor, além de um bom estudo bíblico? Serão alguns corinhos repletos de heresias e erros gramaticais?

    03. – Aspirar apenas o céu não é suficiente. O crente precisa de poder, muito poder, aqui mesmo na terra.

    Para que poder, se o poder de Deus se aperfeiçoa em nossa fraqueza? (2 Coríntios 12:9).

    04. – Conhecer Deus sem ter uma experiência d’Ele não é suficiente.

    Por acaso Deus é comida ou bebida para ser experimentado? A fé não carece de experiência. Leiamos Hebreus 11:1.

    05. – Ler o Livro de Atos sem viver o que ele prega é impensável.

    O Livro de Atos conta a história da Igreja Primitiva, da era pentecostal judaica. Ele educa e edifica, mas não carece de ser praticado por nós, nesta dispensação gentílica. O Evangelho de Paulo é outro. Vamos estudar suas epístolas…

    06. – Uma Fé confiante é boa, mas uma Fé ousada é melhor.

    Se tivermos fé como um grão de mostarda… esta já nos será suficiente. (Mateus 17:20; 21:21)

    07. – Falar sobre o Espírito Santo sem experimentá-Lo… Crer na presença dEle sem vê-Lo manifestado em sinais e maravilhas não é suficiente.

    Sinais e maravilhas? Essas foram experiências da dispensação pentecostal judaica de Atos. A Igreja de Cristo vive por fé e não por sinais. Paulo diz que “os judeus buscam sinais e os gregos, sabedoria” (1 Coríntios 1:22)

    08. – É necessário ter um enchimento do Espírito Santo, ser por Ele conduzido e por Ele possuído.

    Todo crente sincero, que recebeu o Senhor Jesus Cristo como seu único, total e suficiente Salvador, lê e põe em prática a Palavra de Deus, regularmente, vive cheio do Espírito Santo. Não precisa freqüentar certas igrejas para cantar, rebolar, gesticular, tentar receber experiências, etc. Ser cristão é andar na linha, tendo-se convertido realmente, depois de crer, tendo aceitado o sacrifício de Cristo na cruz.

    Ser cristão não é entregar dízimos e ofertas, fazer sacrifícios, ir a encontros secretos, em fins de semana, subir aos montes, etc. O Evangelho de Cristo é simples demais. Paulo diz na 2 Coríntios 11:3: “Mas temo que, assim como a serpente enganou Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos sentidos, e se apartem da simplicidade que há em Cristo”. Não será esse o grande pecado das igrejas ditas avivadas?

    09. – Viver salvos sem vidas sobrenaturais é minimizar o sacrifício de Cristo na cruz.

    Vidas sobrenaturais só teremos no céu. Aqui devemos viver com os pés na terra, buscando, contudo, as coisas lá do alto, através da leitura da Bíblia, da oração, da vida reta e do amor ao próximo. O Cristianismo verdadeiro é muito prático e eficiente. Foi esse o tipo de Cristianismo que transformou o mundo, a partir da Reforma de Lutero, Calvino e outros legítimos reformadores, e não dos líderes desse “cristianismo” utilitarista hodierno. Andar com uma Bíblia debaixo do braço é uma coisa. Praticar os seus ensinamentos é outra bem diferente.

    09. – Devemos produzir forças especiais, onde quer que estejamos.

    Isso cheira a “Guerra nas Estrelas”, filme que pregou uma filosofia ocultista das mais aberrantes, da qual o cristianismo “fofinho” está repleto.

    10. – Devemos ser infecciosos, não inócuos; contagiosos, não benignos.

    Nada disso. Devemos ser cristãos corretos no lar e na comunidade. A melhor pregação é a de uma vida conforme os padrões bíblicos e não a entrega de uma pregação agressiva, visando transformar o mundo, através de palavras ocas sem exemplos práticos.

    11. Nossa influência não deve ser restrita à nossa casa ou cidade, mas a todas as nações, sem qualquer fronteira.

    O cristão sincero é exemplo em casa e na comunidade… Deixemos a pregação fora do nosso alcance para os missionários vocacionados por Deus. Ajudemo-los com as nossas ofertas de missões e oremos para que eles possam ganhar muitas almas para o Senhor.

    12. Devemos ser senhores do nosso destino…

    Nosso destino está nas mãos do Senhor, não em nossas mãos. Ele é quem nos dirige, nos guarda, nos protege. Nada podemos fazer sem Ele (João 15:5).

    Mary Schultze

    09/07/2008

    CRÉDITOS:
    Este artigo de autoria de Mary Shultze foi escrito em agosto de 2005 para o CPR.
    Extraído na íntegra de sua página http://www.cpr.org.br/Mary.htm

    Publicado nesta página conforme sua autorização.
    Editoração e adaptação por
    Fábio Amarante famarte@uol.com.br
    S.Bernardo do Campo – SP Em 09/07/2008

  3. uau!!! vc deve ter gasto muito tempo hein Fábio pra preparar todo esse material que vc postou, só me responde algo , quantos filhos vc gerou pra Deus? existem pessoas que falam na sua vida ou vc é tão bom q somente o próprio Deus pode falar? qual foi a ultima vez que vc evangelizou uma pessoa? qual a ultima vez que vc chorou diante de Deus?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: